Minha vida é você



Deixa-me adormecer esquecida em seus braços,
Deixa-me sentir seu calor e sonhar,
Deixa-me agora esquecer o cansaço,
Da longa espera, que vivi para te encontrar...
Faz-me um carinho qualquer,
Desperte de novo em mim a mulher,
Que se perdeu dentro de mim,
Por tempos e tempos num quase sem fim,
Vencida pela ausência de carinho,
À procura de seu ninho...
Eu só queria você,
Jamais desistí de esperar...
Sabia que um dia você viria,
E como sonhei, me amaria...
Por isso só para você guardei,
Todo meu amor, e o meu desejo de amar...
Por isso quando eu me despertar,
Não permita que eu pare de sonhar...
Faz-me sua, tal como sou...
Ama-me, como jamais amou alguém,
E seja meu, tal como sonhei,
Meu somente,
De mais ninguém...

(Célia Jardim)

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Pão de farinha láctea (receita para máquina de pão)

Tremor nos olhos...

Cuscuz de Abobrinha